SELTON MELLO – Mostra que leva seu nome chega a quinta edição

700791_b3

Clic Folha

O ator e diretor Selton Mello esteve em Passos no último sábado (26) e apresentou o making off do filme “O Palhaço”, em um encontro para convidados no auditório do Bloco 08 da FESP. Selton Mello conversou com o público sobre curiosidades da produção cinematográfica do filme que já ganhou mais de 50 prêmios tendo concorrido a uma vaga na disputa pelo Oscar. O ator falou também sobre a parceria com a FESP para o projeto Festival Selton Mello de Vídeo, que neste ano terá sua 5ª edição.

O encontro com o ator foi realizado no auditório Armando Riguetto, onde são realizadas as sessões do cineclube “Pipoca e Bala Pipper”, desenvolvido pela FESP, sob coordenação de Itamar Bonfim. “É uma honra para nós recebê-lo na FESP e ter o nome do Selton em um dos nossos projetos culturais e sociais, que envolve tantos estudantes”, afirmou o presidente do Conselho Curador da FESP, professor Fabio Pimenta Esper Kallas.

“O Palhaço” foi lançado em 2011 e rende uma histórica homenagem à cidade de Passos que, no filme, é o local dos “sonhos” do protagonista Benjamim, durante uma crise profissional. “O Selton eternizou a cidade de Passos com ‘O Palhaço’”, disse Itamar Bonfim.

O elo com a cidade também pode ser observado no filme através dos atores e figurantes passenses que participaram da produção, como Renato Macedo, Pritty Borges, Iákara Piotto, Heliza Faria, Babe Grilo e de familiares de Selton como a mãe, Selva, o Pai Dalton e o irmão, Danton.

Segundo o ator, a ideia da homenagem a Passos surgiu em 2009, quando Selton Mello esteve na cidade para promover uma mostra de cinema e participou de entrevistas coletivas, eventos e homenagens ao seu trabalho.

O filme “O Palhaço” ainda não estava concluído, o que permitiu que ele levasse para o elenco atores iniciantes e fizesse esta homenagem que será sempre um capítulo grandioso na história da cidade.

Na FESP, Selton conheceu o ator Renato Macedo, que interpreta o “Borrachinha”, um dos integrantes da trupe do Circo Esperança. “Eu já tinha assistido a um curta do Babe Grilo em que ele atuou e quando o vi na plateia, pensei que ele era um personagem que já estava pronto”, relata Selton.

“Foi um sonho fazer este filme, foram 40 dias em que a gente se tornou uma família mesmo, uma trupe, eu fiquei encantado. E ter tido a oportunidade de conhecer profissionais como o Paulo José que é um mestre e ver o Selton dirigindo e atuando foi maravilhoso”, conta o ator Renato Macedo.
Durante a apresentação do Making Off do filme “O Palhaço”, Selton chamou a atenção para a importância da produção em sua carreira. “Hoje se eu tiver de escolher um filme como o mais significativo da minha trajetória, entre todos que já participei, sem dúvida será “O Palhaço” e existem filmes importantes como Lavoura Arcaica, o Auto da Compadecida, nestes, eu era um ator dentro de uma obra, mas O Palhaço é uma criação minha, eu dirigi, atuei, imaginei cada detalhe”.

Parceria

Selton Mello dá nome a Mostra Competitiva de Vídeos promovida pela FESP e que envolve todas as escolas de Ensino Médio de Passos. O Festival Selton Mello de Vídeo é coordenado pelos professores Paulo Henrique Baldan Valim, Diovany Rodrigues e Diego Vasconcelos, dos cursos de Comunicação Social da FESP e já resultou na produção de mais de 40 curtas, envolvendo estudantes em oficinas de audiovisual e produção de cinema. “O Festival de Vídeo que leva meu nome eu acompanho, é feito por profissionais que eu respeito e eu me sinto muito orgulhoso em estar envolvido em algo que forma pessoas. Essa parceria com a FESP não pode parar, isso é fundamental. Eu recebo o material, acompanho tudo. Alguns vão despertar para a arte, outros, mesmo que decidam trabalhar em outras áreas, vão ter vivido esta experiência riquíssima”, avalia.

O presidente do Conselho Curador da FESP, Fabio Pimenta Esper Kallas, sugeriu ao ator passense uma parceria com a FESP para a criação em Passos de um museu temático para o filme O Palhaço, a exemplo do que acontece na Nova Zelândia, com o filme Hobbit. “Seria uma oportunidade para visitação de turistas que gostariam de conhecer as curiosidades do filme, como figurino, fotos, este making off e documentários sobre o tema”, sugeriu Fabio. O ator Selton Mello disse que vai pensar a respeito.

FONTE: ClickFolha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s