Mostra de Cinema de Tiradentes anuncia programação

simonesudoeste-thumbA 16ª edição da Mostra de Cinema de Tiradentes, que traz como tema Fora de Centro, começa no próximo dia 18. Desde ontem, quem acessou o site do evento já pôde conferir a programação geral. Filmes premiados nos mais importantes festivais do país, como o de Gramado e o de Brasília, fazem parte da grade. É o caso de Super Nada, com Marat Descartes e Jair Rodrigues; Eles Voltam, melhor longa no festival da capital federal; e o maior premiado de Brasília, o curta A Mão que Afaga, de Gabriela Amaral Almeida. Os renomados críticos Ismail Xavier e Jean-Claude Bernardet participam de seminário, enquanto a atriz Simone Spoladore, do também premiado recentemente Sudoeste (foto), é a homenageada.

As atrações são gratuitas, inclusive as diversas oficinas na área. Mais informações: www.mostratiradentes.com.br.

Reveja, abaixo, trechos da cobertura da participação de Selton Mello na última edição da Mostra Tiradentes. Na ocasião, o Jornal UFSJ acompanhou as homenagens, o seminário A Política do Ator e conversou com o ator e diretor, publicando matéria na edição 562. Para acessar a matéria completa, veja http://www.ufsj.edu.br/jornal/562

O MENINO DAS NOVELAS
Selton Mello, aquele “menino das novelas”, como é lembrado por muitas pessoas, cresceu, e sua carreira se expandiu junto. Ator de televisão, teatro e cinema, agora também é diretor. “Na novela eu me sentia um burocrata, aí um dia me perguntei: por que estou fazendo isso? Foi ali que tomei o caminho para o cinema”, explica, durante o seminário A Política do Ator no Percurso de Selton Mello.   

Quais as diferenças entre ser ator de novela e de cinema?
Na televisão você não tem tempo de preparação, de se aprofundar num personagem. No cinema você faz duas ou três cenas por dia e pode olhar de forma mais detida seu texto. Por outro lado, a minha escola foi a TV. Não sou formado em nada e cresci fazendo. Foi ali que eu aprendi, trabalhando com grandes atores, observando como eles trabalhavam. A TV te dá uma agilidade de raciocínio muito grande, porque você se acostuma a fazer até 30 cenas por dia, e isso te dá uma bagagem muito boa.

O CINEMA BRASILEIRO
Ator e diretor de cinema, Selton tem uma especial preocupação com o cinema brasileiro e com a valorização de atores experientes, muitas vezes esquecidos no tempo. “O fato de eu trazer de volta a Darlene Glória, o Lúcio Mauro, é genuíno. Eu sou um ator, e o maior pavor de um ator é o esquecimento. Existe um interesse muito grande no novo, no que vai ser descoberto, mas e o velho?”

O que falta ao cinema brasileiro para alcançar de vez o exterior?
Selton: Ele está dando esse salto, está indo muito bem internacionalmente. A Mostra de Tiradentes é parte disso, ao mostrar novos talentos. Esses jovens que passam por aqui viajam muito, os filmes mais autorais e com uma linguagem mais inventiva viajam muito bem. Por outro lado, é importante conquistarmos o público brasileiro, o que também está acontecendo. O ano retrasado foi o ano de Tropa de Elite 2, com 11 milhões de espectadores. No ano passado, o público foi mais pulverizado, o que é mais saudável. Não tivemos nenhum Tropa, mas tivemos sete que levaram mais de um milhão de pessoas, e O Palhaço é um desses. Isso é bom, é importante o público brasileiro se ver na tela…

… e ser educado para ver cada vez mais filmes brasileiros.
Isso, e “ver” significa “se ver”, porque o cinema é uma espécie de espelho do que a gente representa. Quando eu digo que essa geração de atores da qual faço parte deu uma cara ao cinema brasileiro é porque nós personificamos os mitos e heróis brasileiros. Não somos o Brad Pitt, o Johnny Depp, mas somos Wagner Moura, Lázaro Ramos, João Miguel, Irandhir Santos, Matheus Nachtergaele. Nós falamos português e temos uma importância enorme de dar cara a esse cinema e falar a língua de quem está ali assistindo.

O PROFISSIONAL E A ACADEMIA
O Jornal UFSJ conversou com Selton Mello sobre a importância dos cursos de graduação nas áreas que envolvem Teatro, TV e Cinema, o contexto que o profissional recém-formado encontrará e o mundo “digital” que cresce a cada dia.

Estão se formando, agora, as primeiras turmas de graduação em Teatro, Comunicação e outras áreas artísticas e culturais da Universidade Federal de São João del-Rei. Qual a importância do suporte acadêmico e que panorama o profissional encontrará ao sair da Universidade?
Selton: A importância do estudo tradicional é enorme. E o profissional que está se formando agora tem uma vantagem. Antigamente, a moçada se formava e não tinha uma indústria cinematográfica, o que não era nada animador. Também não tinha Internet. Hoje em dia, o camarada sai da faculdade, ou mesmo durante o período em que ele está dentro da faculdade, e se expressa assim [Selton estala os dedos]. Ele pode ter uma câmera nem tão potente, faz o filme, coloca no Youtube, todo mundo vê e espalha. Não depende de entrar em festival, na TV aberta ou fechada. Ele já põe no mundo.

Qual o alcance e as possibilidades deste contexto digital para o profissional?
Eu fico muito impressionado com os fenômenos da Internet. A gente vive um período de transição de comunicação, e não conseguimos nos dar conta de tão veloz que essa transição é. Eu sou muito ligado nisso, ando pensando em fazer algo para Internet. É um momento embrionário, os valores estão mudando e ainda vão mudar muito. Já é muito raro filmar em película, por exemplo, e acho que já já isso vai acabar realmente. A exibição vai passar a ser totalmente digital. Muita coisa vai mudar.

Publicada em 10/01/2013
Fonte: ASCOM

 

Veja a matéria completa pelo link

Anúncios

Uma resposta para “Mostra de Cinema de Tiradentes anuncia programação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s